Escritor Mossoroense lança livro que analisa o Brasil na crise global

O Jornal de Hoje. Natal, 11 jan. 2000

 

O escritor mossoroense Tomislav Femenick está de passagem por Natal para divulgar o lançamento de seu 17° livro: “O Brasil na crise global“, uma coletânea de textos acadêmicos com enfoque para assuntos da economia nacional. A obra foi lançada em outubro, em São Paulo, mas a edição está quase esgotada.

Esse mossoroense de nome croata, herdado do pai que era descendente direto do ducado de Varazdin, iniciou sua multicarreira profissional aos 13 anos de idade, como redator do Jornal de Alagoas, veículo dos Diários Associados. “Eu não sabia escrever e decidi ser jornalista para aprender essa arte”, recordou.

O escritor não se adaptou ao funcionalismo público. Tinha um emprego com estabilidade no Banco do Nordeste, mas pediu demissão depois de 13 anos de serviços. Tomislav descreve-se como um homem que gosta de investir tempo e dedicação em atividades variadas, por isso não poderia se adaptar ou se satisfazer com a rotina da burocracia bancária.

Em 1955, ele fundou a primeira agência de propaganda de Mossoró: a Propag, ao lado do jornalista Walter Gomes. No fim dos anos 60, quando os Beatles lideravam as paradas musicais, abriu a boate Snob em Mossoró.Na mesma época, entre 1965 e 1972, o escritor comandava uma agência de notícias: a Serpes Serviços de Promoções e Pesquisas, que publicava as notícias de Mossoró em jornais de Natal, Recife, Fortaleza, Brasília e Rio de Janeiro.

As matérias produzidas pela Serpes, que contou parte da história de Mossoró, estão reunidas em uma coleção de cinco volumes que está preste a ser lançada. Nos cinco livr
os, o escritor vai publicar as notícias sobre a construção da infra-estrutura da cidade; a economia da época, com a perfuração dos primeiros poços de petróleo; a educação, o esporte e a cultura mossoroense, com a fundação das escolas de ensino superior e a construção do Estádio Leonardo Nogueira, que ganhou grama importada da Inglaterra; a organização social da cidade e algumas de suas personalidades mais importantes, e a influência da micro-região de Mossoró na economia do Estado.

Outro lançamento engatilhado, esse com data prevista para o dia do aniversário de 500 anos de descobrimento do Brasil (22/04/00), é o livro Descobrimentos e Colonização Uma odisséia Ibérica (publicada sob o título de Os “herdeiros” de Deus). A obra é uma pesquisa analítica sobre os fatores econômicos que influenciaram as descobertas ibéricas. Esse livro é resultado de uma pesquisa que começou há cerca de 15 anos e tem contribuições de pesquisadores argentinos, colombianos, mexicanos e uruguaios, etc.

Apesar de suas últimas obras se constituírem em incursões históricas, os 17 livros já lançados do escritor tratam basicamente sobre economia. Tomislav é graduado em Ciências Contábeis, Ciências Econômicas e Administração de empresas, com curso de extensão acadêmica em Sociologia e História, mestrado em Ciências Econômicas e pós-graduação técnica em Economia Empresarial.

Aos 60 anos de idade, o escritor comemora as bodas de prata de seu casamento com a pedagoga Goreth Femenick. Há 30 anos, Tomislav reside na área nobre de São Paulo, onde é quase vizinho do presidente Fernando Henrique Cardoso

Sem mostrar interesse em aposentadoria, Tomislav é professor universitário do Unibero Centro Acadêmico Ibero-Americano, lecionando nos cursos de Hotelaria, Turismo, Contabilidade, Administração Financeira e Administração de Sistemas de Informações, além de administrar uma empresa de design gráfico e outra de auditoria e consultoria empresarial.